Nesse artigo você vai conhecer mais sobre Cyclofemina espero que goste, aproveite também para conhecer outros artigos relacionados na nossa categoria de Saúde. Por favor, se esse artigo for relevante para você, deixe um comentário no final da página, e muito importante para nossa equipe! Fique a vontade e boa leitura.

O Cyclofemina é um medicamento anticontraceptivo injetável por via intramuscular profunda, costuma ser facilmente encontrado em farmácias e deve ser aplicado por um profissional da área da saúde. Cyclofemina é composto por dois hormônios femininos combinados o cipionato de estradiol (estrogênio) e o acetato de medroxiprogesterona (progestógeno).

Este anticoncepcional é utilizado para prevenção da gravidez indesejada e seu uso é indicado para regularizar o ciclo menstrual além de minimizar os efeitos indesejados da Tensão Pré-Menstrual (TPM).

O anticontraceptivo age impedindo a gravidez por meio da ação de seus hormônios que atuam inibindo a ovulação, alterando o muco cervical e reduzimento o espessamento que reveste interiormente as paredes do útero (endométrio).

Por ser um anticoncepcional injetável, a aplicação do anticontraceptivo deve ser realizada apenas uma vez por mês, e se não foi usado como método anticontraceptivo no mês anterior sua aplicação deve ser realizada do primeiro ao quinto dia da menstruação.

Muitas mulheres buscam o Cyclofemina como método de prevenção pois ele é um medicamento altamente seguro e eficaz, já que não depende necessariamente que a usuária tenha que fazer algo para sua eficácia ser garantida, como é o caso das pílulas anticoncepcionais, que devem ser ingeridas todos os dias nos mesmos horários para os efeitos anticontraceptivos serem obtidos.

Portanto, cyclofemina além de ser um método muito eficaz é também muito prático, facilitando muito a vida das mulheres que normalmente se esquecem de tomar a pílula anticoncepcional algumas vezes por mês.
Indicações

O Cyclofemina é indicado como anticontraceptivo (supressão da ovulação); em casos de deficiência estrogênica e no tratamento dos sintomas do climatério, e como terapia de reposição hormonal.
Efeitos Colaterais

O maior efeito colateral relatado pelas mulheres seria a alteração de peso, no caso em questão o aumento dele, mas não existem estudos que comprovem que o Cyclofemina engorda, assim como todo anticoncepcional, essa variação de peso irá corresponder aos efeitos que causar no organismo que dependem de uma série de fatores.

Outros efeitos colaterais seriam a ausência da menstruação, com a interrupção do ciclo menstrual, alteração no padrão de sangramento (aumento ou diminuição do fluxo), doenças no fígado, dores de cabeça, acne, náuseas, tonturas, vômitos e dores nas mamas e alterações metabólicas.

 

👨‍👩‍👧 O QUE DEVO FAZER PARA SER MÃE ?
Saiba tudo nesse Link: 👉 CLIQUE AQUI

 

Contraindicações do Cyclofemina

O uso de Cyclofemina não é indicado para mulheres que estejam grávidas ou com suspeita de gestação, que tenham trombose ou doença vascular cerebral, que sofrem ou já tenham sofrido com hepatopatias ou que tenham tido icterícia, com hipertensão arterial ou com mais de um fator de risco de doença arterial.
Pessoas que já tiveram ou tenham atualmente tumores ou canceres, epilepsia, enxaqueca, diabetes ou depressão não devem utilizar esse medicamento.

Composição do Cyclofemina

Cada ampola de 0,5 mL contém 25 mg de acetato de medroxiprogesterona e 5 mg de cipionato de estradiol Excipientes: propilparabeno, metilparabeno, cloreto de sódio, macrogol, polissorbato 80, água para injetáveis.

Preço e onde comprar

Cada ampola custa aproximadamente R$ 20,00. O medicamento pode ser encontrado em farmácias e drogarias.

É importante sempre procurar seu médico ginecologista antes de utilizar qualquer tipo de anticoncepcional.