Nesse artigo você vai conhecer mais sobre Mamoplastia de Aumento, espero que goste, aproveite também para conhecer outros artigos relacionados na nossa categoria de Estética. Por favor, se esse artigo for relevante para você, deixe um comentário no final da página, e muito importante para nossa equipe! Fique a vontade e boa leitura.

 

Mamoplastia de Aumento

Uma das cirurgias plásticas mais procuradas pelas mulheres é a mamoplastia de aumento, que consiste em implantar uma prótese de silicone para promover o aumento ou a correção das mamas. Apesar de bastante popular, muita gente ainda tem dúvidas sobre quando a cirurgia é indicada, quais seus benefícios e sua durabilidade.

Para sanar as principais dúvidas, listamos abaixo algumas questões que devem ser consideradas por quem pretende se submeter ao procedimento. Após análise criteriosa e alinhamento de expectativas, o resultado da mamoplastia de aumento pode devolver, ou simplesmente aumentar, de forma considerável a auto-estima da mulher.

 

  1. Em casos pode ser realizada?

A mamoplastia de aumento pode ser realizada por questões estéticas, quando se quer promover o aumento da mama, ou corrigir alguma assimetria ou desequilíbrio físico. Também pode ser utilizada para a reconstrução da mama em casos de mastectomia ou outro tipo de lesão.

 

  1. Como saber se ela está indicada para mim?

Quem pretende se submeter a uma mamoplastia de aumento deve verificar a saúde e alinhas suas expectativas. Outra condição é saber se os seios já estão totalmente desenvolvidos. Por último, deve-se avaliar o custo-benefício do procedimento.

  1. Como se preparar para a cirurgia?

Primeiramente, o médico deve solicitar exames e realizar uma avaliação clínica. Também é preciso parar de fumar e suspender medicamentos anti-coagulantes, como a aspirina, por exemplo.

 

  1. Quais os riscos da cirurgia?

É uma cirurgia segura, mas como em qualquer procedimento cirúrgico alguns riscos devem ser considerados. Os principais são:

  • Possíveis cicatrizes
  • Sangramento e infecção
  • Alteração de sensibilidade local
  • Ruptura do implante
  • Riscos anestésicos
  • Trombose

 

  1. Os implantes duram para sempre?

Não existe garantia de que os implantes possam durar a vida toda. Em alguns casos, a substituição pode ser necessária. Gravidez, perda de peso e menopausa podem influenciar na aparência do seio submetido à cirurgia.

 

  1. A recuperação é muito lenta?

O período de recuperação é em torno de 24 a 48 horas, seguindo por um período de repouso de alguns dias. Dor e inchaço são comuns por algumas semanas. A liberação para exercícios físicos depende de avaliação médica.

 

  1. O que devo avaliar em relação ao profissional e ao procedimento proposto?
  • É especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica?
  • A sala de procedimento tem autorização da Vigilância Sanitária?
  • Quais os riscos e complicações possíveis
  • Como são tratadas as complicações?
  • Qual o tempo de recuperação e qual tipo de ajuda necessário nesse período?
  • Como o procedimento será realizado?
  1. Qual o tempo de cirurgia?

Normalmente, a cirurgia demora pouco mais de 45 minutos, sob anestesia geral.

 

  1.    O silicone pode causar câncer?

Estudos realizados no mundo todo confirmam a segurança do implante em relação ao câncer. O único cuidado é informar o médico da existência da prótese de silicone quando se for realizar exames de mamografia.

 

  1. Qual técnica mais indicada?

A Clínica Dr. Juan Sanchez Cirurgia Plástica foi uma das pioneiras na adoção de uma técnica conhecida como “Mastopexia com Prótese: Técnica em D Espelhado”. A técnica proporciona alto grau de satisfação, diminuição dos índices de complicações e resultados estéticos duradouros.